Euro 2008

Croácia 2 x 1 Alemanha
Gols: Srna, 24’, Olic, 62’ (Croácia); Podolski, 78’ (Alemanha)
Aparentemente os alemães se afogaram no chope comemorando a primeira vitória, pois nesta partida a blietzkrieg veio por parte da Croácia: a equipe venceu, convenceu e já tem seu ingresso pras quartas-de-final garantido.

Áustria 1 x 1 Polônia
Gols: Roger, 30’ (Brasil, Polônia); Vastic, 93’ (Áustria)
Jogando mais recuada do que o senso de ética dos brasileiros, a Polônia foi premiada com um gol ilegal – porque o atacante estava impedido e porque foi feio -, mas melhorou no segundo tempo e só não marcou mais pois o goleiro Macho, ao contrário do que indica seu nome, catou muita bola. Os austríacos empataram com uma estratégia italiana: pênalti a favor nos descontos.

Itália 1 x 1 Romênia
Gols: Mutu, 54’ (Romênia); Deuses do futebol, através de Panucci, 55’ (Itália)
E continua o planejamento da Itália para se classificar no saldo de gols.

Holanda 4 x 1 França
Gols: Kuyt, 9′, Van Persie, 58′, Robben, 71′, Sneijder, 91′ (Holanda); Henry, 70′ (França)
A Holanda simplesmente SOCOU a França pra dentro do gol. Foi quase pornográfico. Ajoelhei-me e chorei copiosamente em reconhecimento ao futebol MAGISTRAL apresentado pela versão atualizada da Laranja Mecânica.

Espanha 2 x 1 Suécia
Gols: El Niño Torres, 15’, Villa. 92’ (Espanha); Ibracadabra, 34’ (Suécia)
Jogo parelho. Villa aproveitou um momento de desatenção, onde os jogadores suecos estavam admirando suas torcedoras, e disparou na artilharia da competição. Linda demais essa camiseta da Espanha.

Rússia 1 x 0 Grécia
Gols: Zyryanov, 32’
Cadê o futebol “de resultado” (leia-se “de sorte”) da Grécia? Melhor momento do jogo foi quando Stelios entrou para reforçar a equipe grega – juro que ouvi ele gritando “THIS IS SPARTA!” ao pisar no campo.

Suíça 2 x 0 Portugal
Gols: Yakin, 70’, 81’
Retribuindo a gentileza da Suíça que, como boa anfitriã, deixou os convidados passarem para a fase final, Portugal entrou com o time misto, a cabeça nas nuvens e o futebol no banco de reservas. Vitória merecida, e bela homenagem dos jogadores ao técnico no final.

República Tcheca 2 x 3 Turquia
Gols: Koller, 33’, Plasil, 61’ (Rep. Tcheca); Turan, 74’, Nihat, 86’, 88’ (Turquia)
Provavelmente a melhor partida da Euro, e não foi transmitida. Bando de turco fiadaputa…

Anúncios

4 comentários sobre “Euro 2008

  1. Quanto ressentimento em relação à Grécia, meu guri… E pelo jeito vai criar um ressentimento ainda maior em relação à Turquia.Acho melhor tu te convencer, cara: embora no papel tenha muita qualidade, na hora H a Tcheca sempre abre as pernas.E já sabemos: Espanha e Holanda chegam como grandes favoritas – obviamente devem cair fora já nas quartas-de-final.

    Curtir

  2. Felipão que me perdoe, mas em caso de Portugal x Holanda na final, não conseguirei torcer contra a Laranja Mecânica.Quanto à Grécia: mais cedo ou mais tarde, a máscara cairia. Aliás, pra mim já caiu em 2005, quando eles não conseguiram se classificar pra Copa do Mundo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s