A peleja é no Monumental

Grêmio 3 x 0 Boyacá Chicó
Gols: Souza 12′ e 16′, Léo 29’1°T (Grêmio)
Local: Estádio Olímpico Monumental, Porto Alegre, capital do mundo conhecido

O Grêmio pisou no gramado já classificado, precisando apenas de uma vitória para ser o melhor time da primeira fase da Libertadores. Já o Boyacá pisou no gramado e… bem, e foi isso.

Para o tricolor, o primeiro tempo desceu como uma gelada após um bate-bola pegado: simplesmente ignorando a presença do adversário, o Grêmio jogava com a descontração de um três-dentro-três-fora. A coisa seguiu tranquila como uma roda de maconheiros tocando violão, até que Souza, após receber um lançamento plasticamente irretocável de Adílson, triveleou a pelota e derrubou a coruja, marcando 1 a 0 para os caseiros. Sem forçar muito os tricolores aumentaram, quando Jonas, o Errante, largou uma bandeja de fritas para Souza na área, que não perdoou e arrematou com força para o fundo das redes. Léo, o Inconstante, ainda ampliaria, pegando a sobra após um daqueles lances “ninguém é de ninguém” na área.

O segundo tempo começou quando Léo, o Inconstante, deu um pênalti para que o Boyacá tivesse alguma chance. O goleiro Victor, no entanto, flanou em direção à bola, impedindo que ela beijasse as redes e mostrando que é, de fato, o maior goleiro de todos os tempos. À grandiosidade do arqueiro gremista seguiu-se um segundo tempo enfadonho. O Boyacá colocou sua marcação alguns passos à frente, obrigando os zagueiros tricolores a darem chutões à rodo, mas sem grandes efeitos práticos. O Grêmio até teve um ou outro suspiro de bom futebol, mas nada muito efetivo. E a coisa acabou assim: Grêmio com a melhor campanha, e garantindo o segundo jogo sempre no Monumental. Libertadores, tremei!

3 comentários sobre “A peleja é no Monumental

  1. Não é porque eu sou colorado, mas essa primeira colocação geral do Grêmio é a coisa mais falsa que eu vi nos últimos tempos. O grupo era tão fraco, mas tão fraco, que ter feito 16 pontos foi pouco – o natural seria ter tido seis vitórias.

    E o pior é que o Grêmio deve pegar mais uma barbada nas oitavas, dando mais esperança ainda pra torcida. Quero ver quando pegar um adversário forte… A esperança é que essas vitórias “incríveis” na Libertadores façam com que o time acredite em si e alavanquem um sentimento de raça e vontade que façam a equipe vencer os adversários mais fortes – ou seja, quase todos os que sobraram.

    Curtir

  2. Concordo plenamente que o grupo era fraco, e TAMBÉM A ISSO se deve o primeiro lugar geral do Grêmio nessa primeira fase.

    Agora, convenhamos: o BOCA, o fodão e <>copero<> BOCA JUNIORS, caiu num grupo com o temível DEPORTIVO CUENCA, o poderoso DEPORTIVO TÁCHIRA e o arrasador GUARANÍ, e só deve chegar a 15 pts hoje, ficando ainda atrás de nós. E não me fale em altitude, porque também estivemos em terras altas e conseguimos ganhar. E com o Celso Roth ainda, que é pra acabar com qualquer argumento.

    <>PS: Se o raciocínio é esse, então o favoritismo do inter na Copa do Brasil é tão falso quanto. Até agora, tudo o q o inter fez foi arrasar no ruralito (convenhamos, NENHUM campeonato com 8×1 na final pode servir de parâmetro pra nada) e derrubar Rondonópolis(?!) e Guarani (o primeiro, relembremos, com direito a derrota no jogo de ida).<>

    Curtir

  3. Kleiton, não tive a oportunidade de ver os jogos do grupo do Boca pra ver se o nível dos times era o mesmo do grupo do Grêmio (só nome não vale, vide a merda que o River Plate está nesse ano). Mas, se esse for o caso, o Boca fez pior que o Grêmio, e isso não desabona o fato de o tricolor gaúcho não estar necessariamente jogando bem só porque foi o primeiro lugar geral na 1ª fase da Libertadores.

    E quanto ao teu PS, o raciocínio é exatamente esse; vide esta postagem no link http://molduradigital.blogspot.com/2009/04/inter-e-os-falsos-favoritismos.html (modo autopromoção on).

    Só acrescentaria que há uma diferença entre os dois casos: no caso do tricolor, nas três únicas vezes em que pegou um adversário forte (o Inter), perdeu as três. Já o Inter…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s